Dois pesos, uma medida

Por isso não desanimamos. Embora exteriormente estejamos a desgastar-nos, interiormente estamos sendo renovados dia após dia, pois os nossos sofrimentos leves e momentâneos estão produzindo para nós uma glória eterna que pesa mais do que todos eles. Assim, fixamos os olhos, não naquilo que se vê, mas no que não se vê, pois o que se vê é transitório, mas o que não se vê é eterno.

2 Coríntios 4.16-18


A jornada da vida nesta terra muitas vezes nos surpreende, positiva e também negativamente. Perdas, aflições, conflitos, enfermidades e lutas, de diversas naturezas, fazem parte da vida de todos.


Desde o momento que nascemos, começamos a morrer. O nosso corpo terreno a cada dia vai se deteriorando, nosso exterior vai envelhecendo, morrendo. No entanto, quando andamos com Deus, nosso interior vai sendo renovado dia após dia.


Todas as pessoas estão sujeitas a enfrentar o mal. A grande questão é que, para os que creem em Cristo, este peso que carregamos nesta vida é transformado em um eterno peso de glória no céu. Se tratam de leves e momentâneos sofrimentos diante do peso de glória que alcançaremos eternamente com Deus. Aí está nossa grande e maravilhosa esperança. Nossos sofrimentos nesta vida terrena parecem pesados e insuportáveis, mas, em comparação com o peso de glória gerado e que nos aguarda no céu, tais sofrimentos são leves e momentâneos.


Vendo dessa forma, passamos então a desfrutar da renovação interior diária, porque entendemos que as coisas que tanto se busca, se conquista e se passa nesta terra são incomparavelmente inferior ao que encontramos em Deus, e que nos aguardam na eternidade. Por isso, ainda que nosso exterior sofra e padeça gradativamente a cada dia, nosso interior é renovado constantemente ao mesmo tempo.


Em vista disso, não desanimamos, porque passamos a fixar os nossos olhos, não naquilo que se vê, mas no que não se vê, pois o que se vê neste mundo é transitório, mas o que não se vê é eterno.


A pergunta agora é: Seus olhos estão fixos em qual peso? Suas obras estão produzindo um peso de glória no céu? Se estão, alegre-se, pois é um eterno e divino peso, ao passo que os sofrimentos desta vida passageira são leves e momentâneos. Não desanime! A medida vem de Deus e Ele é bom e justo em todo tempo!

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
Sobre nós

A igreja precisa ter suas convicções firmadas nos princípios da Palavra, com uma postura ética e coerente com aquilo que propõe para a sociedade. 

Esperamos por Você

(51) 3582-3620
R. Sobradinho, 301

Novo Hamburgo/RS 

comunicacao@mbcv.org

CNPJ - 919952410001-73

© 2018 por Comunicação e Marketing MBCV