José Manoel Da Conceição

QUEM FOI:

José Manoel da Conceição nasceu em São Paulo, em 11 de março de 1822, filho de Manoel e Cândida. Foi batizado na igreja católica treze dias depois de seu nascimento. Mais tarde , sua família mudou-se para Sorocaba, onde foi educado por seu tio-avô, o padre José Francisco. Aos dezoito anos de idade criou um incrível desejo pelo estudo da bíblia, levando-o ao interesse do estudo de francês, inglês, latim e alemão. Foi ordenado padre em 1845, após se destacar nos estudos teológicos e passar um tempo com diácono.


Após anos de estudo da bíblia passou por uma profunda crise espiritual, quando já não se conformava com a incoerência da fé professada com as sagradas escrituras, pois sua prática e ensino implicavam “na negação da graça de Cristo”. Desligou-se do catolicismo e foi batizado em uma igreja presbiteriana no ano de 1864. Após isso dedicou-se à pregação do evangelho na cidade de Brotas-SP. Manoel foi ordenado ao ministério pastoral em 17 de dezembro de 1865.


PRINCIPAIS VIRTUDES:

José foi um homem corajoso, devoto da palavra que libertou sua mente da escravidão da religiosidade. Foi capaz de sair de um meio religioso em que sua mente era alienada da verdadeira obra de Cristo. Para este homem não havia limite geográfico, o seu interesse era propagar o evangelho e propor uma reforma no coração humano, convicto em suas crenças, não se contaminava com ventos de doutrina, antes dedicou-se no conhecimento do mais puro evangelho: a Bíblia.


PRINCIPAIS DIFICULDADES:

Em seu ministério foi muito perseguido, e no empenho de pregar nas fazendas do interior do Sudeste do Brasil, foi açoitado e, por vezes, deixado como um morto. Obrigou-se a andar por conta própria e dedicar-se fielmente para aquilo que fora chamado, ao invés de se envolver com a burocracia eclesiástica, assim passando por várias dificuldades.


LIÇÃO PRÁTICA:

Como lição prática faço uso das palavras do pastor José Manoel:

“O bem estar de minha pátria, a moralização da sociedade, cuja felicidade só o evangelho pode assegurar, e a salvação eterna dos homens são os fins que tenho em vista. Estou nas mãos de Deus, e a disposição de todos a quem possa servir no evangelho de Jesus Cristo”.


TIRA DÚVIDAS:

Em 17 de Dezembro de 1865, foi ordenado o primeiro pastor o evangélico brasileiro, José Manoel da Conceição.


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
Sobre nós

A igreja precisa ter suas convicções firmadas nos princípios da Palavra, com uma postura ética e coerente com aquilo que propõe para a sociedade. 

Esperamos por Você

(51) 3582-3620
R. Sobradinho, 301

Novo Hamburgo/RS 

comunicacao@mbcv.org

CNPJ - 919952410001-73

© 2018 por Comunicação e Marketing MBCV