31 anos de história.

Moisés, quando estava com o povo no deserto, recebeu a direção de Deus para agir de acordo com o que Ele estava mostrando. Nesse momento, Deus fala que Ele tinha no meio do povo pessoas capacitadas para fazer a obra. Que Ele encheu do seu Espírito Santo com a diversidade de dons, vocações, capacidades e corações dispostos.


Nem todas as pessoas já descobriram ou desenvolveram os seus dons e talentos, mas Deus vê o coração disposto de cada um e Ele tem nos chamado através das oportunidades.


Deus respeita nossas escolhas pessoais, por isso a visão que alcança a família é particular para cada um de seus membros. Se estiverem juntos, glórias a Deus! Mas se apenas um vier, Deus trabalhará da mesma forma. Cada um tem a sua semente a ser desenvolvida!


Os desafios que Deus nos dá são justamente para aprendermos a confiar e depender Dele. Jamais Ele nos dará uma visão sem direção, proteção, provisão e projeção!


Se não há no seu coração uma inquietação para ajudar a resolver o mal que está na sociedade, Deus não lhe usará, pois você está acomodado com o mundo. Porém, aquele que tem um coração sensível ao que o Espírito Santo quer ensinar e tem disposição para falar ao mundo sobre a vontade de Deus, será usado por Ele!


“Sobre a minha guarda estarei, e sobre a fortaleza me apresentarei e vigiarei, para ver o que falará a mim, e o que eu responderei quando eu for arguido. Então o Senhor me respondeu, e disse: Escreve a visão e torna-a bem legível sobre tábuas, para que a possa ler quem passa correndo”. Habacuque 02.1-2.


Quem é corajoso e pronto para ver e declarar o que Deus tem feito e ensinado ao seu povo? Ninguém é obrigado a fazer votos e promessas diante de Deus, mas aquilo que votou, cumpra! Seja homem ou mulher de Palavra! Deus não impõe, Ele propõe, porque sabe o que é melhor.


Nossa vida está repleta de escolhas e a caminhada depende de nós. Nós decidimos obedecer ou não aquilo que na nossa consciência Deus fala que é certo ou errado. Se escolhermos um caminho errado, não podemos reclamar ou culpar a Deus pelas consequências.


Se você não se dispuser a fazer a semeadura e o cultivo das sementes que Deus tem colocado em suas mãos, não poderá crescer, multiplicar e melhorar.

É necessário mudar HÁBITOS! A prática da justiça atrai a Deus!


“Semeai para vós em justiça, ceifai segundo a misericórdia; lavrai o campo de lavoura; porque é tempo de buscar ao Senhor, até que venha e chova a justiça sobre vós”.

Oseias 10.12


O Senhor está sentado em tronos de justiça! Justiça é ruim? Claro que não, é o melhor para quem busca fazer o certo. Nós devemos avaliar a nossa vida. Apenas orar e não se dispor a mudar atitudes, não trará resultados diferentes, por isso reflita de forma sincera! Campo de lavoura é lugar de refúgio e descanso. Lazer se desfruta de resultados, não de dinheiro emprestado por outros.


Enquanto você não está suprindo suas necessidades básicas, reavalie os gastos supérfluos. Revise sua realidade para que esteja com todas as áreas de sua vida em equilíbrio. Deus, vendo o seu senso de valor, observará sua fidelidade e então você começará a ver as recompensas!


Como Deus abençoará sua vida se você não tem buscado ajustar-se às instruções de Deus no seu dia-a-dia? Se você não se desenvolver em sabedoria, entendimento e conhecimento, você verá os outros crescerem e sentirá que está ficando para trás.


As pessoas que não amadurecem geralmente são as que se negam a devolver o dízimo, olhando defeito de pastores. Como Deus abençoará a sua vida material se ela não cultua a Deus? O que você devolve para o Senhor mantém a sua renda e te dá novas oportunidades. Deus não precisa, mas Ele ensina a não amarmos o dinheiro mais do que ao próximo ou do que a Deus. Por isso devolvemos 10%, pois a colheita está ligada a semeadura, assim como a bênção está ligada a obediência!


“Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que dizimais a hortelã, o endro e o cominho, e desprezais o mais importante da lei, o juízo, a misericórdia e a fé; deveis, porém, fazer estas coisas, e não omitir aquelas”.

Mateus 23.23

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
Sobre nós

A igreja precisa ter suas convicções firmadas nos princípios da Palavra, com uma postura ética e coerente com aquilo que propõe para a sociedade. 

Esperamos por Você

(51) 3582-3620
R. Sobradinho, 301

Novo Hamburgo/RS 

comunicacao@mbcv.org

CNPJ - 919952410001-73

© 2018 por Comunicação e Marketing MBCV