Pessoas diferentes de nós: sabemos lidar com elas?

Você já sentiu dificuldade em lidar com pessoas que pensam e agem de formas diferentes de você? Acredito que todos nós já passamos por esse tipo de situação e isso é absolutamente normal. O objetivo desse texto é mostrar que existe uma maneira adequada de lidarmos com isso.


O primeiro pensamento que devemos ter é de que somos o Corpo de Cristo. O corpo, apesar de ser completo por muitas partes, é um só. O olho é diferente do braço que é diferente do pé e deve ser assim para que ele funcione.


Em 1 Coríntios 12.21 lemos: “Os olhos não podem dizer a mão: ‘não precisamos de você’. E a cabeça não pode dizer aos pés: ‘não preciso de vocês’. Pelo contrário, os membros do corpo que parecem ser mais fracos são necessários”.

Afirmo que o problema não está em sermos diferentes, mas em não sabermos respeitar a forma do outro ver a vida. Existem pessoas mais sensíveis e outras mais racionais, mais decididas e outras mais cautelosas. Essas pessoas completam o que chamamos de sociedade.


Cometemos um grande erro ao nos colocarmos no lugar de Deus e acharmos que o nosso jeito de viver é o único correto. O outro é diferente, sim, e junto com você completa a visão geral daquilo que Deus tem de uma situação. Pode ser difícil de lidar? Sim, e muitas vezes é. Inclusive pode ser difícil para a outra pessoa que lida com você. Mas, no momento em que entendemos que precisamos uns dos outros, as coisas começam a se resolver mais facilmente. Entender isso pode abençoar nosso casamento, nosso trabalho, nossa família, enfim, todos os nossos relacionamentos.


O segundo pensamento que devemos ter é que não importa o quão bom somos naquilo que fazemos. Erramos quando nos isolamos e executamos as coisas sozinhos acreditando que não precisamos do outro.


Podemos pensar que as nossas diferenças são o maior problema. Mas, quando entendemos o corpo e que cada parte dele, por menor que seja, é necessária, nossa visão sobre as diferenças muda. Ou seja, quando entendemos que cada um tem uma forma única de ver as coisas e de agir diante de uma determinada situação, nós amadurecemos. Não só aprendemos a lidar com as diferenças, mas também entendemos que elas são a chave da solução para conseguirmos chegar num objetivo.



Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
Sobre nós

A igreja precisa ter suas convicções firmadas nos princípios da Palavra, com uma postura ética e coerente com aquilo que propõe para a sociedade. 

Esperamos por Você

(51) 3582-3620
R. Sobradinho, 301

Novo Hamburgo/RS 

comunicacao@mbcv.org

CNPJ - 919952410001-73

© 2018 por Comunicação e Marketing MBCV