Tchau, Tristeza! A luta das mulheres pelo seu espaço

Conta a bíblia, em I Samuel I.2-24, que havia uma mulher, Ana, temente a Deus, que sofria muito, pois não havia concebido um filho. Ana sentia-se fora dos padrões da sociedade, não conseguindo exercer o papel de mãe. Também carregava um grande sofrimento pela crença de incapacidade e desvalor, fomentado por Penina, que a provocava constantemente. Ana chorava e se amargurava, cada dia mais, por não ver cumprida a sua oração. O sofrimento de Ana, interferia no andamento da família, pois seu esposo se preocupava com seu bem-estar e tentava compensar, sendo generoso e atencioso com ela, o que não era o suficiente. Ana, por anos, lutou, orou e, no tempo de Deus, deu à luz, Samuel.

Você já passou por isso? De estar triste, ansiosa, irritada, amargurada e não conseguir estabelecer seu papel, de forma tranquila e produtiva, nos ambientes que vive?

Nossas tristezas geralmente estão ligadas com a nossa forma de ver o mundo, nossas expectativas e as relações ao nosso redor. A competição e a busca da perfeição, aos padrões da sociedade, está cada dia mais presente, gerando relacionamentos disfuncionais, violência e uma visão negativa da mulher. A tristeza, contínua, pode gerar sintomas no corpo, como cansaço, desânimo, insônia, dificuldade para respirar, deficiência na imunidade, inflamações, perda do apetite, afastamento nos relacionamentos e desvio do exercício do seu propósito.

“O dia 8 de março foi adotado como o Dia Internacional da Mulher, pela ONU (Organização Mundial das Nações Unidas), tendo como objetivo lembrar as conquistas sociais, políticas e econômicas das mulheres, independente de divisões nacionais, étnicas, linguísticas, culturais, econômicas ou políticas.” Quero te convidar a, neste dia comemorativo e nos demais dias do ano, olhar para você e valorizar o que você já tem, já construiu e mantém de bom na sua vida. Então, a partir disso, gerar novos projetos, que serão bençãos no reino de Deus, como Samuel, filho de Ana.



Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
Sobre nós

A igreja precisa ter suas convicções firmadas nos princípios da Palavra, com uma postura ética e coerente com aquilo que propõe para a sociedade. 

Esperamos por Você

(51) 3582-3620
R. Sobradinho, 301

Novo Hamburgo/RS 

comunicacao@mbcv.org

CNPJ - 919952410001-73

© 2018 por Comunicação e Marketing MBCV