GRAÇA

De acordo com o dicionário, “graça“ significa um favor oferecido a alguém por bondade, e desta forma é apresentada na Bíblia como um presente de Deus para quem não merece ou não tem condições de alcançá-lo, por mais que se esforce. Para compreendermos a graça, precisamos primeiro compreender qual é a nossa situação humana diante de Deus, para que então seja possível entender Sua graça.


Em toda a Bíblia podemos perceber que o pecado faz separação entre Deus e os homens, e desde Adão o pecado faz com que nós não consigamos nos aproximar de Deus, pelo fato de não percebe-lo nem compreendê-lo, pois nosso espírito que se relaciona com Deus está morto.


“Todos pecaram e separados estão de Deus” (Rm 3.23), portanto temos a certeza de que independente de quanto somos religiosos, do quanto vamos na igreja, ou ainda de como fomos bem educados, todos nós somos pecadores, assim como as piores pessoas ao nossos olhos, pois para Deus não existe pecados graves e pecados leves, mas somente PECADO. E a Palavra ainda nos afirma que todos que pecaram serão recompensados com a morte eterna e o afastamento de Deus.


Neste contexto, pode-se compreender que todos nós pecamos e por isso, independente do quanto possamos fazer ou tentar fazer coisas boas, nossa recompensa deveria ser a condenação eterna. No entanto, a bondade de Deus nos oferece como presente algo que nós não merecemos, a GRAÇA, oportunizando a salvação. Ou seja, a salvação não é por merecermos, porque ninguém merece, mas porque Deus é bom e quis nos oferecer uma oportunidade - mesmo que não sejamos merecedores!


Romanos 4:4-5 “Ora, o salário do homem que trabalha não é considerado como favor, mas como dívida.Todavia, àquele que não trabalha, mas confia em Deus que justifica o ímpio, sua fé lhe é creditada como justiça”.


Desta forma Paulo nos apresenta a salvação comparando, não como uma pessoa que trabalha e recebe salário, pois quem trabalha recebe o que é justo e merecido, mas a salvação é como uma pessoa que não trabalhou, mas recebeu um salário mesmo assim. Não somos salvos porque somos bons, mas porque Jesus morreu em nosso lugar - vale lembrar que é de graça para nós, mas custou tudo para Cristo. Assim Deus não nos concede a Sua bondade para nos tornamos preguiçosos e esperarmos tudo Dele, pelo contrário, nos ofereceu Sua bondade, pois estávamos mortos no pecado, mas agora podemos ser restaurados pela graça para ser quem Ele quer que sejamos. Portanto graça não é um atestado para viver de qualquer jeito, mas significa que Deus é bondoso o suficiente para nos oportunizar a GRAÇA de cumprirmos Sua vontade.


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
Sobre nós

A igreja precisa ter suas convicções firmadas nos princípios da Palavra, com uma postura ética e coerente com aquilo que propõe para a sociedade. 

Esperamos por Você

(51) 3582-3620
R. Sobradinho, 301

Novo Hamburgo/RS 

comunicacao@mbcv.org

CNPJ - 919952410001-73

© 2018 por Comunicação e Marketing MBCV